Menu Close

Alegria, alegria: o encontro de Milton Nascimento e Caetano Veloso

Duas das maiores estrelas da música brasileira se reuniram para um grande show. Caetano Veloso e Milton Nascimento saíram em turnê pela primeira vez, juntos, cantando músicas de trilhas sonoras feitas para produções nacionais. Desta vez, além da música, o que uniu estes mestres da MPB foi também a paixão pelo cinema.

A idéia do encontro surgiu quando os dois receberam o convite para assinarem a trilha do filme “O Coronel e o Lobisomem”, o que rendeu três composições em parceria e a vontade de cair na estrada com um show inteiramente dedicado a canções marcadas pelo cinema. Mas essa não foi a primeira vez que Milton e Caetano compuseram juntos para as telonas brasileiras. Antes deste encontro eles haviam feito três músicas em parceria: Paula e Bebeto, A Terceira Margem do Rio e As Várias Pontas de Uma Estrela, também relembradas durante o show.

As duas vozes mais afinadas da MPB proporcionaram esta semana um verdadeiro brinde aos presentes com tão rica apresentação. O repertório incluiu vinte e cinco canções que emocionaram o público. Fizeram parte dele, algumas músicas de Milton Nascimento, outras de Caetano Veloso, assim como composições de amigos, como Chico Buarque, autor de Bye Bye Brasil.

Duas canções apenas, fugiram às regras por não serem trilhas de filmes: Tigresa, de Caetano, inspirada na atriz Sônia Braga, e Cravo e Canela, de Milton, inspirada na atriz Dina Sfat.

O público se surpreendeu com as músicas internacionais incluídas no repertório, como Someday My Prince Will Come, tema do desenho animado Branca de Neve; When You Wish Upon a Star, do desenho Pinóquio e Rock Around The Clock, clássico de Bill Haley & The Comets. Além das músicas compostas para “O Coronel e o Lobisomem”, a dupla mostrou seus sucessos que são inesquecíveis para o público.

Alguns dos clássicos que foram apresentados por Milton, estavam no repertório: Aqui é o país do Futebol, Tostão, Menino Maluquinho, E Daí? e Coração de Estudante“. Caetano trouxe Sou Você, A Felicidade, Luz do Sol, A Luz de Tieta, entre outras.

Tudo ocorreu no mais puro sincronismo, deixando a plateia da Via Funchal extasiada. Algumas pessoas não se contiveram e levantaram durante o show para dançar na frente do palco. O espetáculo ainda contou com a presença marcante, afinada e encantadora de Marina Machado, cantora mineira que acompanhou Milton em seu disco “Pietà”.

Para quem não pôde desfrutar deste magnífico encontro de astros de luz de brilho eterno, terá a chance de escutar este novo trabalho no CD que será lançado ainda este ano.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.