Menu Close

Morre Chico Anysio, mestre do humor – e também da história da Música Popular Brasileira

Pai de oito filhos e de mais de duzentos personagens, Chico Anysio morreu na tarde de hoje, aos 80 anos de idade. O humorista estava internado no Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro, desde 22 de dezembro de 2011, em decorrência de uma hemorragia digestiva. De lá para cá, apresentou algumas melhoras, mas acabou não resistindo.

Ao longo de sua carreira, iniciada no rádio nos anos 1940, Francisco Anysio de Paula, nascido em Maranguape (CE) em 12 de abril de 1931, deu vida a centenas de figuras únicas e inesquecíveis, no rádio, na TV, no teatro e no cinema. E também compôs diversas canções, em parceria com João Roberto Kelly, Ari Toledo e Benito di Paula, entre outros. Mas foi com Nonato Buzar que Chico Anysio escreveu, nos anos 70, uma de suas pérolas para a MPB: Rio antigo, feita especialmente para Alcione, que interpreta a canção no vídeo abaixo e presta uma homenagem ao amigo:

Chico Anysio também protagonizou, junto com Arnaud Rodrigues, a dupla Baiano e os Novos Caetanos, uma sátira bem-humorada sobre os rumos musicais da década de 70, em seu programa Chico City:

Palmas para Chico Anysio, que deixa um legado inesquecível para a cultura brasileira, e também muita saudade em gerações de fãs.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.