Novas ondas no som de Adriana Calcanhotto

Cantora lança “Maré”, seu oitavo CD

Esta é a capa de “Maré”, oitavo álbum de Adriana Calcanhotto. Após a temporada sob o codinome “Partimpim”, que rendeu um CD e DVD voltados para o público infantil – e nem tão infantil assim – a cantora e compositora gaúcha tirou a máscara e os óculos, e pintou o rosto para cantar a continuação do tema iniciado em 1998 com o CD “Maritmo”.

Em onze canções, Adriana apresenta novas parcerias feitas com Moreno Veloso (“Maré”, que abre o CD) e Dé Palmeira (“Seu pensamento”). Musica versos de Arnaldo Antunes (“Para lá”), e mergulha fundo na obra de outros poetas, como Augusto de Campos (“Sem saída”), Ferreira Gullar (em “Onde andarás”, que Caetano Veloso musicou em 1967), Torquato Neto (“Um dia desses”), Arnaldo Antunes (com o tango “Três”, lançado por Marina Lima dois anos atrás, no álbum “Lá nos primórdios”) e Péricles Cavalcanti (em “Porto Alegre (nos braços de Calipso)”, que conta com a participação especial de Marisa Monte).

Em execução nas rádios, a primeira música de trabalho de “Maré” é “Mulher sem razão”, composição de Cazuza, Dé e Bebel Gilberto, os mesmos autores de “Mais feliz”, um dos destaques do disco de dez anos atrás. E, fechando o CD, Dorival Caymmi é revisitado em “Sargaço mar”, de 1985, com a presença do Ministro Gilberto Gil ao violão.

Segundo Adriana, “Maré” é o segundo volume de uma trilogia iniciada com “Maritmo”, ou seja, outros mares ainda hão de vir.

Confira abaixo a lista de músicas:

Maré (Adriana Calcanhotto / Moreno Veloso)
Seu Pensamento (Adriana Calcanhotto / Dé Palmeira)
Três (Marina Lima / Antonio Cícero)
Porto Alegre (nos braços de Calipso) (Péricles Cavalcanti)
Mulher sem Razão (Cazuza / Dé Palmeira / Bebel Gilberto)
Teu Nome Mais Secreto (Adriana Calcanhotto / Waly Salomão)
Sem Saída (Augusto de Campos / Cid Campos)
Para Lá (Arnaldo Antunes / Adriana Calcanhotto)
Um Dia Desses (Torquato Neto / Kassin)
Onde Andarás (Caetano Veloso / Ferreira Gullar)
Sargaço Mar (Dorival Caymmi)